13 de abr de 2012

Você no DSM - Desafio "Meu Doce Sonho é..."

Hey Hey meus vampires e wolfs! Antes de postar os "Presentes Parceiros",resolvi participar de um concurso que está tendo lá no blog Doce Sonho de Menina ,um parceiro muuuito querido,escrito pela Sheila,que diariamente vem fazendo concursos e desafios no tema "Você no DSM",uma forma que ela criou,para nossa própria participação em seu blog. Vamos conferir??: 


 O DSM está fazendo aniversário, e quer saber qual é o seu "Doce Sonho". Todos os participantes serão divulgados (com link, resumo e avatar, se quiser) em uma postagem no blog "Doce Sonho de Menina". Saiba como participar também clicando aqui.

                                                                          
       Realizar todos os meus sonhos! Kkkkk,brincadeira.Tenho um sonho,que se identifica muuuito comigo,desde pequena.Acho que nunca comentei aqui com vocês,que entrei no fascínio da leitura apenas com 3 aninhos.É uma história meio maluca! Mas eu vou contar a vocês,o que for preciso...

Como eu já disse,aos 3 anos,eu comecei a saber "o que era ler".Minha tia sempre me mandou muitos livros,aumentando o "nível" de dificuldade a cada parte do meu crescimento. Me lembro até hoje do primeiro livro que li: "Um rabo de Rato",kkkk super engraçado,tenho a história decorada.Mas,a minha surpresa foi assim: eu estava na cama,rodeada dos meus livros.Tentava decifrar o que estava escrito neste livro "Um rabo de Rato",mas é óbvio que eu ainda não sabia ler,e só olhava as imagens.Mas aí vem a parte maluca.Na verdade eu meio que estava "lendo para dentro".Não sei explicar muito bem,mas vou dar um exemplo: sabe quando você está lendo algo,que não é em voz alta? Como se fosse com os olhos.Só que eu ainda tinha certa dificuldade,e lia só pra mim.E olhe que eu ainda nem estava na escola! Foi quando senti a nescessidade de jogar minha leitura de dentro,pro lado de fora,e li sozinha,sem nenhuma ajuda. A minha mãe, mesmo, ficou pasma.Ela não estava acreditando que eu li,sem escola,sem aprendizado,sem nenhuma daquelas explicações de "juntar as letrinhas". Um mistério,eu sei. 

A leitura foi um empurrãozinho para chegar ao meu sonho.Sempre ouvi aquele ditado,de que "Quem lê muito,escreve bem.".Mas na época eu não dava a mínima pra isso.Adoraaaaaaaaava,e ainda adoro ler,mas nunca me toquei que o ditado era um sinal. Minha mãe sempre dizia para mim: "Peça a Deus para lhe mostrar qual é o seu dom,assim,quando você crescer,vai poder fazer o que gosta e o que sabe."
Mas sabe aquela fase que você quer ser um mooooooooonte de coisas?Cheguei a querer ser veterinária,secretária,administradora,médica,atriz,cantora,professora,atleta de vôlei,lojista,pintora... E sempre mudava minha decisão! 
Até que... comecei a perceber,que cada vez que lia um livro,imaginava uma história do meu ponto de vista.Como se eu escrevesse.E junto com a ideia,vinham mais ideias,e mais frequentes histórias,que eu formulava na minha cabeça. Um dos livros que me ajudaram muito,foram os da Saga Crepúsculo.Eles foram uma fonte de busca,porque,com minha paixão pela Saga,imaginei histórias e mais histórias,com os mesmos mistérios e fantasias. 
E foi bem aí que eu senti necessidade de escrever. No mesmo momento,percebi que esse era o meu sonho. Quando eu imaginava as histórias na minha cabeça,de acordo com os livros que lia,estava tendo meu próprio sonho de escrever. E agora ,este é meu "Doce Sonho": fazer meus livros,publicá-los e ler muuuuuuuuuuuuuuito mais do que já li.

Agora que já contei o ínicio do meu sonho e dom,vou pular para a parte atual,a que estou:
Comecei escrevendo meu livro no caderno.Uma forma antiga,isso é fato,mas eu também não tinha a mínima experiência com isso,e minha vontade de escrever era tanta,mais tanta,que não importava onde fosse: eu queria escrever. No meu primeiro "quase livro" (vocês já vão entender porque era "quase"),estava me inspirando no filme "Alice no País das Maravilhas".Amo este filme até hoje,e foi ele que me impulsonou a primeira ideia de todas. Cheguei até o meio da história,mas quando fui ler tudo,não estava ficando bom. Não sei se realmente,não estava ficando bom,porque na minha cabeça,eu queria o livro com palavras difíceis,com suspenses bem tramados,com narrações concretas que te fizessem querer ler mais. Mas,nos meus textos não tinha isso(conforme eu julguei sozinha). Então parei de escrever. Fui tentar oooutra história,mas estava demorando muito no caderno,e também parei.
Já estava ficando triste,pensei que nunca iria fazer uma história com as características que eu queria,que me impulsionassem a ler.Mas é claro,que isso era aos meus 8, 9 ou 10 anos. Ainda não estava "falando difícil e escrevendo com palavras formais",como os escritores e adultos fazem. Então,aos 11,e com minha mais nova paixão do momento: Crepúsculo,pedi minha mãe todos os livros da Saga,e li todos nas minhas férias. Como esperado,as ideias pulsaram (e Graças à Deus ainda estão pulsando com força total) e comecei a escrever.Mas,desta vez fui esperta,escrevo no Word,a minha digitação é mais rápida que minha escrita manual. E agora,com o aumento do meu "português complexo e formal",kkk digamos assim,estou escrevendo meu livro,que está quaase no meio.

A Sheila (autora do blog DSM),tem um Doce Sonho muuuito parecido com o meu: ela também está escrevendo seu livro,e nós,agora duas escritoras de carteirinha,fizemos o seguinte acordo: quando publicarmos nossos livros,uma manda pra outra o seu livro.Kkkkk,esses sonhos...

Aqui é só pessoal! Ah,com a minha participação no Desafio,ganhei um selinho,que coloquei nos gadgets "Participo e Concordo". Mas,mesmo assim,vou postar ele aqui:
   Muito obrigada Sheila,ameiii! Vale a pena conhecer e participar pessoal!
Bye,bye...                                                                                                                                                               
                                                                                 

2 comentários:

  1. Menina, amei aeu post!!!
    Como você começou a ler pequenininha, heim!!! Eu me lembro que só pude ler mesmo quando entrei na escola, mas não era nenhuma surpresa, já que minha mãe e meu pai não me deram um incentivo...
    Nem me lembro qual foi o primeiro livro que eu li, acredita??? Só me lembro mesmo que o primeiro "sem figuras" pelo qual me apaixonei foi "A Corda Bamba", um livro infantil belíssimo.
    Outra coisa que temos em comum é que nunca soube ao certo qual seria minha profissão (o que era agravado pois um monte de gente dava palpites do que eu deveria ser: uma prof minha disse que eu deveria ser cientista, outra disse que devia ser historiadora... mas é uma longa história).
    Além da grande coincidência de termos nos apaixonados por sagas famosas de livros... Mas no meu caso foi Harry Potter.

    Peraí, vou olhar seu comentário e volto pra respondê-lo!!!

    ResponderExcluir
  2. Olha, tem vários programas que colocam a transparência, o que eu uso é o "The Gimp", que gosto muito pois é rasoavelmente leve e é gratuito. Ele só assusta um pouco no começo pois para achar as coisas não é tão fácil quanto no Photoscape, mas em compensação o Gimp tem um fórum bem legal em que as pessoas ensinam a fazer um monte de coisas...

    Ah, vou publicar os desafios na sexta, ok? Já sei que vai ser sexta pois consegui mais um e na quarta já vou ter outro... Acho que com três já dá pra ter um post, não é???

    Mil Sweetkisses ♥
    www.docesonhodemenina.com.br

    ResponderExcluir

Sinta-se à vontade para comentar quantas vezes quiser e sempre que quiser!
Somente não aceito ofensas,discussões,palavrões,assuntos de tema vulgar e falta de respeito com o blog e com a Saga Crepúsculo. Fora isso,comentários são sempre bem-vindos ^^
Deixe o link do seu blog (se tiver) para que eu responda e retribua a visita.
Se já leu estes avisos,pode começar a escrever....
- Ester